Jogo Extra – André Freitas

Esta semana entrevistamos o nosso associado e atleta, André Filipe da Cunha Freitas, sub capitão da equipa de juniores e um dos atletas com mais anos de casa, que nos deixou o seguinte testemunho:

Bilhete de Identidade
Nome: André Filipe da Cunha Freitas
Idade: 18 anos
Naturalidade: Rio Tinto
Nacionalidade: Portuguesa
Altura: 1,70m
Peso: 
70kg
Posição: Avançado
Número: 11
Percurso: SC Rio Tinto (desde 2006)

Quem é o André dentro de campo? Como te defines?
Sou um jogador com raça, sempre com vontade de ganhar todos os jogos e de dar tudo pela equipa. Sou rápido, porém, um pouco individualista, e também tenho uma boa potência de remate. Gosto de marcar golos e de fazer assistências.

Quais os teus hobbies preferidos para além do futebol?
Gosto de sair com os amigos, estar com a namorada, de sair à noite, é o principal.

Estás no clube à cerca de 9 anos, tens notado alguma evolução desde que começaste até hoje?
Sim, sem dúvida! Nestes 9 anos, o clube evoluiu muito, as direções cada vez apoiam mais, dão-nos boas condições para crescermos, os atletas dos juniores, e não só, já treinam com os seniores, há uns anos atrás era raro. Antigamente parecia que o clube estava dividido em dois, a formação e os seniores, agora já não é assim.

No balneário tens alguma alcunha? Como é que és?
Não tenho, nem nunca tive.
Dentro do balneário sou uma pessoa divertida, gosto de pregar partidas aos meus colegas. Por outro lado, por já estar há muito tempo no clube, sinto algum respeito por parte dos meus colegas, e eles ouvem o que eu digo.

JOGO_EXTRA_ANDRE_FREITAS02

Tiveste recentemente uma lesão com alguma gravidade no teu joelho esquerdo, como correu todo o processo, desde a operação até à recuperação?
No geral, correu muito bem, foi uma recuperação difícil, cerca de 6 meses, tive momentos que ia um pouco abaixo, mas com o apoio e a ajuda dos meus familiares, amigos e pessoas do clube, consegui ultrapassar e recuperar muito bem.

Já fizeste alguns minutos de jogo em alguns jogos. Como te sentiste?
Fisicamente tenho me sentido muito bem, mas, o principal, foi ter voltado a jogar, a alegria de fazer aquilo que gosto, foi uma sensação muito boa ter voltado a jogar. Aquele sentimento de me levantar cedo para ir para o jogo, de jantar mais cedo para ir para o treino, é muito bom, já sentia falta.
Fisicamente, ainda estou muito abaixo dos meus colegas, e ainda sinto um bocado de receio, mas com os minutos que tive de jogo e com os treinos estou a voltar a ganhar confiança.

A estrutura do clube sempre te apoiou no regresso á competição?
O clube sempre me apoiou, desde membros da direção, treinadores, fisioterapeutas, estiveram sempre lá para aquilo que eu precisasse. Não me posso queixar de nada.

Esta será a tua última época como atleta da formação. Achas que ainda tens tempo para mostrar ao treinador da equipa sénior (Sérgio Machado) a tua valia?
Pelo o que se passou, penso que irá ser um pouco mais difícil, mas acho que ainda posso mostrar que posso fazer parte do plantel sénior. Estando aqui há muitos anos, já sinto bastante o clube, e era um orgulho muito grande integrar os seniores.

De que forma a tua passagem por todos os escalões da formação ajudaram a definir a tua personalidade, aquilo que és hoje?
Eu acho que o futebol é um desporto que nos dá muita disciplina, e ao longo destes anos aprendi sempre com as pessoas que passaram pelo clube, melhorei muito a minha forma de ser, tanto no campo, como fora do campo. O futebol ajudou-me muito a limar alguns aspetos, porque o futebol é um jogo coletivo e temos que aprender a lidar com diferentes tipos de pessoas. Devo isso ao futebol.

O que esperas para o teu futuro a nível escolar?
Estou no 10º ano, no curso de Técnico de Eletrónica. Quero entrar para a faculdade e tirar o curso de Engenharia informática, e depois estar ligado a essa área.

Dupla Opção:Cristiano Ronaldo ou Messi?
Cristiano Ronaldo.PES ou Fifa?
Fifa.Verão ou Inverno?
Verão.TV ou internet?
Internet.

Golo ou assistência?
Golo.

 

Acompanhas os jogos do nosso plantel sénior? Identificas-te com algum jogador?
Este ano nem tanto, mas nas épocas anteriores acompanhava bastante.
Identifico-me com o Paulo Monteiro. Jogou na formação do SC Rio Tinto, inclusive, cheguei a jogar com ele, sou parecido com ele. Tem velocidade, força e gosta de marcar golos. Tenho algumas parecenças com ele.

Indicarias a Academia do nosso clube como uma boa escola para começar?
Sim, sem dúvida. Antes de jogar federado, passei pela Academia, embora só 3 meses, mas foi uma boa iniciação para a formação. Tive bons treinadores, um deles foi o Professor Mateus, treinador-adjunto dos seniores, aprendi rotinas de jogo, e também a nível técnico. É uma boa escola para se começar.

Qual o melhor jogador com quem jogaste até hoje e o melhor jogador que defrontaste? Jogador preferido a nível mundial na tua posição?
Foi o Pinho, que agora está no GD Águas Santas. Um jogador completo, rápido, com muita técnica e que faz muitos golos, jogar ao lado dele tornava-se mais fácil. O melhor jogador que defrontei foi o Ruben Neves, que joga nos seniores do FC Porto. Apesar de ser um ano mais novo do que eu, já na altura era um fora de série.
Radamel Falcao. A minha forma de jogar é bastante diferente da dele, mas é um ponta de lança muito completo, marcava golos de qualquer maneira, mas o que mais me admira nele, é ele ter baixa estatura, mas mesmo assim marcar muitos golos de cabeça, sabe posicionar-se muito bem. Mas também gosto muito dele por ele ter tido a mesma lesão do que eu, e não ter desistido, ultrapassou e continuou a marcar muitos golos.

Por fim, pedimos que deixes aqui uma mensagem para todos aqueles que queiram iniciar uma aprendizagem do futebol.
Se gostam de jogar futebol e querem aprender mais, que joguem num clube, pois o futebol é muito importante e ensina muitas coisas, que será útil, dentro e fora do campo.

Ao nosso associado e atleta André Freitas, deixamos aqui o nosso agradecimento por nos ter concedido esta entrevista, desejando-lhe a melhor “recuperação do mundo”, pois é com atletas como ele, que só vestiram a nossa camisola, que o clube conta, para um futuro que, esperamos todos seja risonho.

Força Sport Clube de Rio Tinto!

 

Comentários